Carteiras da Alameda ressuscitam para transferir FTT na casa dos milhões

Related articles

As carteiras vinculadas à falida Alameda Research voltaram a funcionar no dia 7 de fevereiro, transferindo milhões em FTX Tokens (FTT). A atividade da carteira da Alameda após o pedido de falência da FTX tem sido uma grande preocupação para a comunidade cripto, com muitos questionando os méritos das agências de aplicação da lei e como essas carteiras estão sendo acessadas.

O endereço da carteira Alameda, ‘brokenfish.eth’, transferiu quase US$ 2 milhões em tokens FTT do contrato inteligente BentoBox na SushiSwap. O contrato inteligente em questão serve como cofre central para todo o ecossistema da Sushi. O ex-CEO da FTX, Sam Bankman-Fried, tem uma história com a SushiSwap que remonta a 2020, quando assumiu o protocolo do ex-desenvolvedor Chef Nomi.

A carteira “Alameda Research 4” comprou mais de 1 milhão de FTT (cerca de US$ 2,3 milhões) na faixa de US$ 1,86 a US$ 1,87. A carteira também abriu uma posição de empréstimo na Abracadabra, atualmente hipotecando 73.000 FTT e US$ 31.000.

Movimentação de tokens FTT das carteiras da Alameda. Fonte: Etherscan

Muitos vincularam a movimentação de fundos ao processo de falência em andamento e acreditaram que John Ray III, o CEO da FTX nomeado pelo tribunal, sancionou as movimentações de fundos. Ray III não escondeu seu desejo de assumir o controle dos ativos da exchange e de suas subsidiárias para saldar suas dívidas. Em 17 de janeiro, a FTX anunciou que havia descoberto mais de US$ 5,5 bilhões em ativos líquidos ao longo de suas investigações, com mais de US$ 3 bilhões devidos a seus 50 maiores devedores.

Esta não foi a primeira vez em fevereiro que as carteiras vinculadas à Alameda movimentaram fundos. Em 2 de fevereiro, a empresa de segurança Blockchain PeckShield alertou que a “Alameda Consolidation” recebeu US$ 13 milhões em criptoativos de três carteiras diferentes.

#PeckShieldAlert ~ US$ 13M em criptos foram transferidos para o endereço rotulado de consolidação Alameda, incluindo ~ 6M $USDT e 1.545 $ETH (US$ 2,5 milhões) da Bitfinex, ~ 4,6 milhões $USDC de 0x7889
Querendo saber por que a Bitfinex transferiu ~ US$ 8,5 milhões em criptomoedas para o endereço de consolidação da Alameda pic.twitter.com/YU8RNcrdxs

— PeckShieldAlert (@PeckShieldAlert) 2 de fevereiro de 2023

O primeiro pertence à exchange de criptomoedas Bitfinex. Enviou aproximadamente 6 milhões de Tether (USDT) e 1.545 Ether (ETH), totalizando aproximadamente US$ 8,5 milhões. Os outros indivíduos não identificados transferiram aproximadamente US$ 6 milhões em USD Coin (USDC) para o endereço da Alameda Consolidation.

VEJA MAIS:



Fonte