Vítimas de golpe com bitcoin serão reembolsados na semana que vem

A infame corretora de bitcoin Mt. Gox, deve desbloquear 142 mil bitcoins no próximo dia 10 de março de 2023, marcando uma história importante para investidores. Muitos aguardam há anos as suas posses, após um suposto ataque hacker que afetou os negócios da então maior corretora do mundo em 2014.

Falida e hackeada, a Mt. Gox já teve mais de 70% do volume global de bitcoin em seu auge, sendo uma das primeiras lançadas no mercado, ainda em 2010.

Quando parou de funcionar abruptamente, deixou um rastro de prejuízos em todo o mundo. Após investigações sobre o caso, autoridades conseguiram reaver parte das moedas e agora os credores receberão parte dos valores.

Baleia de bitcoin acredita que devolução da Mt. Gox terá efeito negativo no curto prazo

De acordo com informações reveladas pelo The Block, os chamados “pagamentos antecipados” começarão a chegar para credores em 10 de março.

Em um comunicado de janeiro de 2023, ficou claro que o processo deve começar, o que jogará no mercado mais moedas, que até então estavam bloqueadas. A expectativa é que pelo menos 142 mil bitcoins antigos voltem a circular.

Related articles

Para a baleia de bitcoin JOE007, que acompanha o caso, a liberação de saldos para credores da Mt. Gox causará um efeito negativo no preço do bitcoin, porém, só no curto prazo. Na sua visão, no longo prazo o mercado não deverá temer mais possíveis vendas.

“Até 142K BTC podem ser liberados para os credores da MtGox a partir de março. Embora ainda não esteja claro quantos optaram pelo “pagamento antecipado”, os maiores detentores de reivindicações acabaram de divulgar que querem o BTC o mais rápido possível. Efeito do preço? Negativo a curto prazo, a longo prazo não é grande coisa.”

Qual o fundamento do medo Mt. Gox?

No início de 2021, um plano de reembolso foi apresentado para os credores. Com ele, chegou a novidade que permitiria que eles recebessem suas moedas de volta em vez de dinheiro.

No entanto, isso criou preocupações entre alguns investidores de Bitcoin. Isso porque, muitos temem que a devolução em massa de Bitcoins possa ter um impacto negativo no preço do Bitcoin.

Tal preocupação se baseia na ideia de que a devolução de uma grande quantidade de Bitcoins para o mercado de uma só vez pode aumentar a oferta e diminuir a demanda, o que poderia levar a uma queda no preço do Bitcoin.

No entanto, é importante ressaltar que isso é apenas uma teoria e que o mercado de criptomoedas é complexo e volátil, sendo influenciado por diversos fatores.



Fonte