Carteira de bitcoin pede que clientes saquem o mais rápido possível

A carteira de bitcoin BlueWallet está descontinuando seu serviço com Lightning Network (LN) e pede que os usuários que tenham valores nos aplicativos saquem o mais rápido possível para outros ambientes.

O anúncio do fim do serviço chegou ao mercado na última quinta-feira (23), e já move os clientes para outras carteiras que dão suporte.

Criada em 2017, a BlueWallet é uma carteira digital de criptomoedas para dispositivos móveis, que permite aos usuários armazenar, enviar e receber Bitcoin. Vale lembrar que o serviço da carteira na rede principal do Bitcoin segue normal.

Carteira de bitcoin BlueWallet descontinua Lightning Network e pede que usuários saquem o mais rápido possível

A BlueWallet tem uma interface de usuário simples e fácil de usar, e oferece várias funcionalidades. Um dos destaques incluí a capacidade de criar várias carteiras em uma única conta, enviar e receber pagamentos através de códigos QR, entre outras funções.

Assim, pegou de surpresa a comunidade mundial de bitcoin o anúncio da carteira de suspender o suporte a LN.

Related articles

“Estamos anunciando que o nó Lightning, Lndhub.io, onde a BlueWallet fornece carteiras Lightning para seus usuários, será desativado. Embora você ainda possa sacar seus sats, não será mais possível criar novas ou recarregar carteiras Lightning existentes no nó LndHub. TL;DR: Se você tiver sats no nó Lightning da BlueWallet, mova-os o mais rápido possível.”

Entre os pontos principais da nota de fim do serviço, a empresa declarou ter criado sua solução como uma brincadeira de fim de semana, e cumpriu com os objetivos iniciais em sua forma atual.

O serviço será encerrado de vez no dia 30 de abril. Para quem tem uma BlueWallet para guardar bitcoin na rede principal, tudo segue funcionando normalmente.

Quais carteiras recomendadas para a Lightning Network?

A Lightning Network permite que as transações de criptomoedas sejam processadas de forma mais rápida e com taxas mais baixas do que as transações na cadeia principal da criptomoeda.

Isso porque as transações na Lightning Network ocorrem fora da blockchain principal, em canais de pagamento off-chain. Estes, por sua vez, podem ser abertos e fechados pelos usuários.

A BlueWallet permitia que os usuários criassem e gerenciassem canais de pagamento na Lightning Network diretamente de seus dispositivos móveis. Ou seja, facilitava o acesso à tecnologia.

De saída da LN, a BlueWallet recomentou aos usuários outras opções de carteiras, como a Phoenix Wallet e Breez Wallet, para usuários de dispositivos iOS e Android. Outras duas sugestões são a LNbits e a LndHub em carteiras de hardware.

Por fim, a BlueWallet diz que o fim do seu serviço não significa uma má notícia, com a empresa seguindo construindo no ecossistema bitcoin.

“Isso pode soar como uma má notícia, mas isso significa essencialmente que a BlueWallet daqui para frente oferecerá suporte apenas a soluções de autocustódia. Isso é bom para usuários de bitcoin e BlueWallet.”



Fonte