As 10 Melhores Moedas Para Comprar Para Ter Ganhos Massivos em 2023

Related articles

Com 2023 começando, esse ano já está parecendo mais positivo que 2022, com todas as complicações sofridas por praticamente todos os projetos cripto. Com a expectativa de que o espaço encontrou o fundo de seu bear market, os investidores estão voltando suas atenções para a identificar quais projetos têm o potencial para entregar lucros incríveis em 2023 nos anos seguintes.

Descobrir quais projetos oferecem o maior retorno para o seu investimento é mais fácil de falar do que fazer. Sendo assim, aqui estão 10 criptomoedas de projetos bem avaliados que os investidores concordam que podem oferecer ganhos massivos em 2023:

  1. Metacade (MCADE)
  2. Chainlink (LINK)
  3. Avalanche (AVAX)
  4. Hedera (HBAR)
  5. Bitcoin (BTC)
  6. LTO Network (LTO)
  7. Ripple (XRP)
  8. Monero (XMR)
  9. Shiba Inu (SHIB)
  10. Polygon (MATIC)

1. Metacade (MCADE)

O Metacade já está chegando com tudo no mundo dos investimentos com uma pre-sale que chama muita atenção, tendo arrecadado incríveis $8,1m em apenas 14 semanas desde seu lançamento. O financiamento continua com bom ritmo, com a pre-sale já na fase 5  e um número crescente de investidores correndo para participar enquanto ainda podem. Somente isso já o colocaria no topo da lista dos 10 melhores criptoativos, mas são os recursos da plataforma que realmente a destacam.

A maior força motriz impulsionando os números da pre-sale são os planos abrangentes do Metacade apresentados no white paper da plataforma. Ele delineia um plano inovador para alcançar os objetivos e cumprir o roteiro da plataforma. O Metacade está em rota de revolucionar a indústria dos jogos, em parte ao construir o maior arcade de play-to-earn (P2E) do planeta.

O arcade de P2E deve certamente atrair um enorme número de jogadores ao redor do mundo, graças aos extensos mecanismos de recompensas implementados na plataforma. Jogadores de todos os tipos irão receber recompensas obtidas tanto por jogabilidade casual quanto por um estilo mais competitivo. Ao agir dessa maneira, o Metacade consegue atrair uma atenção global que pode garantir ao projeto um enorme mercado total endereçável (TAM) em potencial.

Recompensas serão implementadas para ações dos usuários que beneficiem o ecossistema do Metacade. Os usuários que contribuírem com ações como escrever reviews de jogos ou se engajar com a comunidade poderão receber recompensas. Isso incentiva todos os usuários a aprimorarem a plataforma constantemente. Isso cria um impulso significativo para a retenção e crescimento da base de usuários que muitos outros projetos não têm.

O projeto usa o token conhecido como MCADE para impulsionar o ecossistema, e o MCADE tem uma função central em como a plataforma funciona. Além de ser usado para distribuir recompensas, o MCADE representa toda a plataforma, o que significa que é usado para todas as trocas de valor em todo o ecossistema – como taxas de entradas de campeonatos ou a compra de mercadorias. 

O projeto do token também conta com a opção de investimento em staking para os detentores, o que permite aos investidores que estão mantendo seus tokens para valorização se beneficiarem de uma renda passiva ao colocarem seus tokens MCADE para trabalhar enquanto esperam.

Um recurso que é citado frequentemente é o programa Metagrants, que fornece um valor significativo em todos os níveis quando o assunto é engajamento de usuários. Ele consegue isso ao permitir que desenvolvedores de jogos e equipes apresentem ideias de jogos para a comunidade do Metacade. Os detentores do MCADE podem então votar em quais projetos são mais merecedores de financiamento do tesouro do Metacade. Esse nível de envolvimento ajudará na retenção de usuários ao fornecer a eles uma função significativa no futuro da biblioteca de jogos.

>>> Você pode participar da pre-sale do Metacade aqui <<<

2. Chainlink (LINK)

A Chainlink é um projeto que está lidando com o chamado “problema do oráculo”, que tem relação com o desafio enfrentado na Web3 em acessar dados precisos e seguros de off-chain de forma confiável. 

A rede descentralizada de oráculo (DON) Chainlink é um complexo sistema de nodes que fornece informações para a rede e podem investir staking seus tokens LINK em staking para fazer isso. Qualquer node tentando burlar o sistema é penalizado por um sistema conhecido como slashing, no qual o fornecimento de dados incorretos é punido com a perda dos tokens LINK do node.

A Chainlink tem mais parcerias que qualquer outro projeto da Web3, e os valores dos preços que eles fornecem de forma atualizada para pares negociáveis é uma parte crucial da maneira que as partes mais maduras do DeFi (como o Aave) operam. Se o DeFi continuar a crescer e a Chainlink continuar sendo central para ele, então o preço do token LINK pode aumentar dramaticamente ao longo de 2023, fazendo deste criptoativo um forte concorrente para a lista dos 10 melhores criptoativos.

3. Avalanche (AVAX)

A Avalanche é um projeto de layer-1 competindo com outros como o Ethereum e a Solana por uma participação de mercado no espaço de public permissionless. O projeto utiliza três blockchains separadas, conhecidas como C-Chain, P-Chain e X-Chain – para permitir a criação de sub-redes chamadas de subnets. 

Essas subnets permitem uma flexibilidade nos recursos da rede Avalanche, o que significa que os parâmetros podem ser customizados para cada caso de uso. Isso levou a afirmações da comunidade apaixonada do Avalanche de que a escalabilidade da rede Avalanche é imbatível, o que faz do investimento em seu token nativo, o AVAX, uma oportunidade promissora.

A rede Avalanche não viu muito crescimento depois da disparada durante o bull run de 2021. No entanto, com uma comunidade grande e apaixonada o apoiando, o ano de 2023 pode ser o ano em que o projeto garante uma maior participação no mercado – e aqueles que investiram no token AVAX podem colher suas recompensas.

4. Hedera (HBAR)

A rede Hedera não é realmente uma blockchain. O projeto utiliza uma tecnologia conhecida como directed acyclic graphs (DAG) para permitir que a rede Hedera forneça transações rápidas e seguras em uma grande escala.

O projeto também leva a descentralização a sério, mas optou por um caminho diferente do que a maioria dos projetos ao apontar um conselho de instituições corporativas e educacional sob um limite de termos para ter um assento no conselho da Hedera. 

Existem rumores de que a rede Hedera possa ter alguns grandes casos de uso em 2023, o que pode fazer com que o utility token HBAR se beneficie na forma de aumento de preço. Com algumas movimentações positivas já acontecendo, isso pode ser o início de uma forte subida de preço para o token HBAR.

5. Bitcoin (BTC)

O Bitcoin pode ser visto por muitos como o investimento mais conservador no espaço cripto, mas não há dúvidas que ele continua sendo o projeto mais proeminente da Web3. Com mais e mais regulamentações devendo chegar em 2023, o projeto deve se beneficiar da falta de um grupo centralizado que o controle, em adição à fama que o projeto tem.

Se as regulamentações continuarem a errar na questão de definir o Bitcoin como uma commodity, isso pode abrir a porteira para os investidores institucionais inundarem o mercado com fundos em 2023 e nos anos seguintes, o que significa que o preço do BTC pode subir muito acima do que estamos acostumados quando o TradFi começar a impulsionar os crescimentos.

6. LTO Network (LTO)

O LTO Network é um projeto baseado na Holanda que foca em casos de uso onde uma solução híbrida é necessária. Esses são normalmente casos de uso que requerem o armazenamento de dados privados (porém uma verificação pública) – e o LTO Network espera garantir uma parte significativa do mercado empresarial dessa maneira.

O projeto já conta com parcerias impressionantes, tendo trabalhado tanto com as Nações Unidas quanto com a IBM em diferentes casos de uso. O projeto tem também explorado o desenvolvimento de um produto de Identidade Digital (DID), que pode vir a abrir as portas para muitos casos de uso no futuro.

Como o token LTO é usado para todas as transações no projeto, deveremos ver o preço do LTO crescer proporcionalmente ao uso da rede, e se mais projetos com alto volume de transações aparecerem em 2023, os detentores do LTO podem ter uma agradável surpresa.

7. Ripple (XRP)

O Ripple está engajando em batalhas legais com a SEC por anos, e para sua comunidade de apoiadores dedicados existe a crença de que 2023 será o ano em que a ação judicial será encerrada.

Muitos analistas acreditam que é provável que o Ripple vença seu processo com a SEC, o que pode significar que muitos casos de uso estabelecidos estarão liberados para adquirirem legalmente tokens XRP para o caso de uso principal do Ripple: os pagamentos internacionais.

Se isso acontecer, então temos certeza que o preço do XRP vai subir a alturas não vistas por anos, se não ainda mais alto.

8. Monero (XMR)

O Monero é um projeto focado em privacidade que está tentando construir um dinheiro digital anônimo que permite transações não rastreáveis pelo mundo; desde transações do dia a dia até aquelas envolvendo as baleias do cripto.

O Monero enfrenta um futuro incerto em vista do foco de regulamentações que os governos pretendem para 2023. Entretanto, os detentores do XMR estão confiantes de que a complexidade do projeto significa que ele não pode ser parado, e então se os reguladores chegarem a algum tipo de cessar fogo com o projeto, isso pode beneficiar o preço do XMR.

9. Shiba Inu (SHIB)

O Shiba Inu é um projeto que construiu e mantém uma comunidade apaixonada de seguidores, conhecidos como “Shib Army”. O projeto pode ter começado como uma moeda meme seguindo os passos do projeto Dogecoin (DOGE), mas a equipe usou a popularidade do projeto para mudar para uma oferta de DeFi mais baseada em utilidade.

A vantagem que o Shiba Inu tem sobre o Dogecoin é que a utilidade do DeFi permite ao projeto continuar a evoluir com o tempo, e isso pode ajudar a construir e manter empolgação sobre o projeto com o tempo.

10. Polygon (MATIC)

O Polygon é um projeto de layer-2 para o Ethereum, que almeja permitir que plataformas na rede do Ethereum o acessem e se beneficiem de uma maior escalabilidade. A rede Polygon tem seus próprios validadores, mas também tem a bridge MATIC – uma ponte para a rede do Ethereum. Isso significa que outros projetos construídos no Polygon podem armazenar dados na rede do Ethereum periodicamente enquanto se beneficiam das transações mais rápidas e baratas do Polygon enquanto isso.

O Polygon já conseguiu garantir alguns grandes projetos corporativos, como Starbucks e Nike, então não seria uma surpresa se o preço do MATIC tivesse grandes ganhos em 2023.

Qual projeto é a melhor escolha para investidores?

O Metacade parece uma excelente escolha entre as 10 melhores criptomoedas que os investidores estão analisando para ter grandes ganhos. Ao oferecer aos investidores um incrível potencial que é encontrado nos seus recursos e na implementação da plataforma (sem mencionar os preços bem descontados disponíveis na pre-sale), não há dúvida que a maior vantagem de todas pode ser obtida ao investir em MCADE.

Como o MCADE está intimamente ligado ao uso da plataforma, durante o ano de 2023 devemos ver enormes aumentos no preço do token. À medida que a plataforma é lançada e os jogadores migram para ela, aqueles que aproveitarem a pre-sale no tempo limitado que resta certamente terão uma incrível jornada pela frente.

Você pode participar da pre-sale do Metacade aqui.

Fonte